Empresários, autônomos e profissionais liberais

O ministro da saúde deu um depoimento que, se à população não ajudar (que acho que será o caso), a melhora seria após setembro.

Sei que tem muitos autônomos, empresários e profissionais liberais.

Como está a situação de vocês?

Eu sou médico, tenho uma pequena clinica, que já não estava indo bem, vou fechar as portas, e ficar sem nenhuma receita por enquanto.

Como está a situação de vocês? Estão funcionando? Vão fechar os negocios? Acham que vai da para abrir em abril ou maio?

1 Curtida

Não é meu caso, mas meu sogro é dono de um bar… já teve que fechar, e se não tiver alguma ajuda deve decretar falência…
Estão falando que deve ter desconto de alguns tributos e talvez na conta de luz, mas como ele tem alguns funcionários não deve conseguir manter se a quarentena se estender.

Um amigo meu tb eh dono de bar e semana q vem já disse q ia demitir muita gente.

Dei ferias coletivas na sexta, e pensando em demitir já na segunda…

Sou advogado, no interior do RS.
Sou sócio de banca com quatro advogados, uma estagiária e uma secretária.
Fechamos escritório na quinta-feira.
Estamos trabalhando de casa, nos processos e casos que já estavam em andamento.
Em função da sede do escritório estar fechada, certamente não haverá novos casos. Consequentemente, redução drástica de receitas.
Estimo que, durante este período, receberei somente os valores que ainda estavam pendentes, mas bem timidamente. Certamente os clientes, neste período, vão preferir ficar inadimplentes, do que sem dinheiro no bolso.
Se essa situação durar mais de um mês, terei começar a fazer uso da reserva de emergência.

2 Curtidas

Escritório de advocacia aberto ainda em SP, fizemos algumas demissões que já estavam em vista, e concedemos férias a quem tinha direito. Faturamento completamente paralizado, judiciário parado, empresas paradas, só resta ajustar questões administrativas.

1 Curtida

Onde eu moro algumas empresas fizeram o seguinte:

a) Estão trabalhando em regime de delivery/entrega ou compra/leva (você compra e leva o produto) são padarias, restaurantes, mercearias, frutarias etc. Dentro do ambiente eles adotaram procedimentos de higiene para os clientes (máscaras + álcool gel) e para os funcionários também, além de rodízio com o pessoal para evitar aglomeração. Alguns não fecharam e estão em ritmo normal ( frutaria perto de casa).

b) Outros estão trabalhando em regime de teletrabalho (que é o meu caso, pois é um serviço burocrático), mas estamos fazendo rodízio também em dias da semana.

c) Outros deram férias coletivas para os funcionários de 15 dias (algumas empresas fizeram isso aqui e estão traçando estratégias para quando voltar (é o caso de algumas empresas terceirizadas onde trabalho). Provavelmente, vão fazer rodízio.

d) Outras empresas estão trabalhando em regime de rodízio para não gerar aglomeração de pessoas (são serviços terceirizados, por exemplo);

e) Outros negociaram com os funcionários uma estratégia de redução de despesas com os funcionários, por exemplo, férias coletivas + redução salarial se for o caso (meu cunhado, pois ele tem uma indústria e os funcionários já são bem antigos, então ele tem um bom conhecimento deles).

f) Outros começaram a fazer atendimento personalizado (oficinas, clínicas e salões de beleza aqui). Eles entram em contato com o pessoal que estava agendado, confirmam o horário etc e quando estão perto de terminar já vão avisando os próximos por Whatsapp etc. Assim evitam aglomeração etc. Começaram essa semana aos poucos. Mas já voltam normal semana que vem.

Sinceramente, parado 100% são pouquíssimas empresas próximas do meu convívio. São empresas que estão sujeitas a aglomeração de pessoas (academias - estas estão todas fechadas - e shoppings).

3 Curtidas

Eles estão demitindo, pois senão tem que arcar com direitos trabalhistas. Nos EUA já demitiram em torno de 3 milhões de trabalhadores.

1 Curtida

Nos escritórios de advocacia de grande banca em SP estão demitindo de 10 a 20% dos funcionários, negócio ta feio, mecânico chorando, muitas pessoas desesperadas, situação muito triste.

1 Curtida

Esse é o ponto que ninguém quer ver (custo - benefício). Essas medidas foram muito descabidas e sem analisar o quadro todo.

Dentistas e médicos daqui estão trabalhando @cadu @neilson?

Tenho uma agência de comunicação. Por enquanto home office para todos, mas o fluxo de trabalho tem reduzido drasticamente. Sou designer e programador de apps, estou estruturando uma forma de entregar melhor esses produtos para não ficar parado quando o fluxo da agência zerar.

2 Curtidas

Só atendendo emergência.
Vou tentar ao máximo não mandar ninguém embora aqui.

sou profissional liberal tbm da area de SAP, o projeto que eu estava iria até novembro, inicialmente fomos para home office , e sexta passada veio a noticia que o projeto entrou em freezing, quase 50 profissionais como eu perderam imediatamente a sua renda, ate inicio do mês o mercado na minha area estava bastante aquecido, com diversos recrutadores entrando em contato, oferecendo uma TX melhor, falando de projeto X, Y , Z … essa semana o que percebi é que senão todas as vagas/projetos , 80% deles estão congelados sem qlqr previsão de retomada …

1 Curtida

Não estou meu amigo, tudo fechado. Mas estou preparado graças a Deus.
Nunca quis passar por um momento deste tipo , mas sempre estive preparado e acho que a parte pior vai ser em maio\junho quando uma grande maioria ficar sem reservas. Espero de coração que não chegue a tanto.
Eu fui moldado pelo meu pai lá atrás( criança) quando ele me mostrou o desenho da cigarra e das formigas que me marcou muito e ficou como exemplo.
Sorte nos investimentos e que tudo se resolva o mais rápido possível

7 Curtidas

Vc tem clínica própria ou trabalha em clínica de terceiros?

Achando que como a maioria subestimei esse vírus…

Tenho uma clínica que já não ia bem, quase certo eu fechar definitivamente…

1 Curtida

Médico, mas não trabalho com assistência… sócio de uma empresa de consultoria/treinamentos… Parte de cursos, parado… parte de consultorias para clientes coorporativos (pharmas), andando bem, apesar de todas estarem em regime de home office.

Dependendo do setor, espera-se uma postergação, e não redução, da demanda… penso que na área da saúde, maioria dos procedimentos eletivos (em especial mediado por plano de saúde), tende a aumentar passada a crise (exceto estéticos, aí redução pela crise)… …consultas de acompanhamento/rotina, mais espaçadas provavelmente, o rebote não será tão forte. No direito, penso que vai ser semelhante, ou até aumentar… ações provavlemnte não vão se resolver sozinhas, e aumentará a demanda devido à quantidade de mudanças e pessoas que se sentiram lesadas nesse período…

Well… crises servem às vezes para limpar a concorrência e tornar seu trabalho mais eficiente… pensem nisso!!! :wink:

3 Curtidas

Próprio e não atendo planos.
Torcendo por medidas efetivas do governo para que a situação volte ao normal logo.
Estou fazendo churrasco numa tremenda segunda kkkkkkkkkkk.

Sou médico psiquiatra em SP. Tenho orientado os pacientes por telefone e fornecido prescrições de medicamentos de controle especial para aqueles que os utilizam de forma contínua mas estão estáveis, além de consultas presenciais se necessário.
Além disso, restrito ao assunto Covid-19, presto atenção informativa gratuita por mensagem privada no Facebook Messenger.
Me virando aqui nos 30 pra garantir a segurança da minha família em todos os sentidos e seguir com meus aportes na Bolsa.

3 Curtidas

Mesmo barco.

No meu caso, pensando em fechar a clínica, acho que vai demorar para as coisas normalizarem…

1 Curtida