FIGS11 - General Shopping

#1

Achei bem estranho este fato, próximo do fim da RMG a gestora e a administradora pedindo renúncia.

"Tendo em vista que no Fato Relevante divulgado em 28/01/2019, a Administradora comunicou ao mercado e aos cotistas do Fundo (“Cotistas”) que desejava encerrar a prestação de serviços de administração para o Fundo, e ainda, a Solis Investimentos Ltda inscrita no CNPJ/MF sob o n° 17.254.708/0001-71 (“Gestora”) também renunciou a prestação de serviços de gestão, a Administradora convoca uma assembleia geral de cotistas para deliberar sobre sua substituição na administração do Fundo e demais hipóteses aplicáveis.

A intenção de encerramento das atividades de administração fiduciária decorre de decisões estratégicas por parte da Administradora.

Conforme consta no Fato Relevante divulgado nesta data, a Administradora e Gestora renunciaram, em caráter irrevogável e irretratável, às suas funções de administradora fiduciária e gestora, e, nos termos da regulamentação aplicável e do Regulamento, faz-se necessária a convocação da Assembleia Geral de Cotistas, sendo certo que caso não ocorra a eleição da Vórtx DTVM S.A. (“Vórtx”) como administradora fiduciária para substituir a Administradora ou indicação dos cotistas de nova administradora fiduciária devidamente habilitada para a atividade de administração fiduciária de fundo de investimento imobiliário para substituir a Administradora com a apresentação da proposta formal, serão iniciados os procedimentos de liquidação do Fundo conforme definido pela Comissão de Valores Mobiliários (“CVM”).

Assim, sugere-se aos cotistas não favoráveis a liquidação do Fundo que aprovem a eleição da Vórtx, ou ainda, que busquem nova administradora fiduciária devidamente habilitada para a atividade de administração fiduciária de fundos de investimento imobiliário para substituir a Administradora até a data da Assembleia."

0 Likes

#2

Alguém tem mais alguma informação sobre essa renúncia? Motivos, implicações, etc?
Estou começando agora nos FIIs e confesso que fui seduzido pela RMG, então 10% de minha carteira está nele.
Tbm não sei exatamente o que essa renúncia significa.
Existe a possibilidade da nova gestora melhorar ou piorar o fundo significativamente?
Será que a liquidação seria uma boa, afinal a cota tava bem abaixo do patrimônio?

Outra dúvida, a receita era menor que a RMG a um bom tempo. De onde vinha a diferença do dinheiro? O fundo foi acumulando dívida p honrar a RMG? Onde poderia ver o total dessa dívida? Será que no caso de liquidação ainda sobraria alguma coisa?

0 Likes

#3

Acredito que a curto prazo seria a melhor solução p/ os investidores.

Do caixa da administradora do fundo, gerado quando fez o levantamento de capital p/ captar novos cotistas.

Só podemos especular. Eu chutaria que o shopping tem muitas reformas p/ serem feitas, e a taxa de administração / gestão não estavam a altura da dor de cabeça que eles teriam p/ isso.

Sempre existe este risco nestas trocas. Por um lado se uma rio bravo ou credit suisse entrarem, seria excelente pro fundo, pois elas tem um excelente histórico de administração. No fato relevante eles sugeriram a Vortx, mas eu não conheço.

1 Like

#4

Considerando que na cotação atual o P/VP está próximo de 0,63, não compensaria correr o risco de o fundo ser liquidado? Se isso viesse a ocorrer, o reembolso dos cotistas dependeria da venda dos ativos a terceiros ou seria feito de imediato?

Em outro cenário, assumindo a continuidade do fundo, projetei, segundo o percentual da RMG que vem sendo efetivamente coberto pela receita de alugueis (hoje em torno de 45%), que os dividendos cairiam dos atuais 0,83 para algo em torno de 0,37. Na cotação atual, em torno de 60, isso corresponde a um yeld de 0,61.

Tenho uma posição muito pequena no fundo, que vou manter. Minha dúvida é se os riscos compensam um aumento de posição pensando na possibilidade de ganho de capital pela liquidação ou caso a cotação venha a cair ainda mais nas próximas semanas, o que é bem possível pelos cenários traçados, melhorando a relação risco x retorno.

[ ]'s a todos
Cuervo.

1 Like

#5

Se resolverem encerrar o fundo, os cotistas só recebem o valor quando for efetivada a venda, e no preço que for realizado esta operação.

0 Likes

#6

Em meu modelo não consigo chegar abaixo dos R$ 65,00 de preço justo para o fundo, mesmo considerando reforma no valor de até 10mi no shopping bom sucesso.

O que os senhores acham dos preços atuais?

0 Likes

#7

Acho que está atrativo.

Mas a questão do que irá ocorrer com o fundo, com possibilidade de ser liquidado gera um risco extra.

Se for entrar, não entraria com um valor alto, se for aumentar posição tb não aumentaria muito.

1 Like

#8

Estou com o pé atrás mais por conta da renúncia do admin + gestor…

2 Likes

#9

@Cadu, boa tarde.

Poderia me ajudar no preenchimento para declaração de imposto de renda do fundo imobiliário FIGS11? A minha principal dúvida é em relação ao preenchimento do nome e cnpj da fonte pagadora
Fiz o seguinte preenchimento:

  • CNPJ da Fonte Pagadora: 17.590.518/0001-25
  • Nome da Fonte Pagadora: FII GENERAL SHOPPING ATIVO E RENDA - FII
  • Descrição: Rendimento Recebido do Fundo Imobiliário FIGS11

Por gentileza, poderia me dizer se está correto preencher desse jeito?
Obrigado!!

1 Like

#10

Perfeito

0 Likes

#11

Obrigado!!

0 Likes

#12

Parece que o mercado está gostando da troca da gestão do FIGS.

0 Likes

#13

HEDGE ganhou a votação com 27,78% dos votos para ser a nova administradora do fundo.Muito bom esse resultado,acho que na segunda valor da cota bate os 70,00.

1 Like

#14

Excelente mesmo.

1 Like