XINA11 - Etf MSCI

texto da extraído da Internet

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

O XINA11 acompanha o índice MSCI China, que é composto por empresas chinesas de grande e médio porte listadas em todos os mercados incluindo China A-shares, B shares, H-shares, Red Chips, P chips, e listagens estrangeiras como por exemplo ADRs no NYSE.

O índice tem mais de 700 empresas que representam cerca de 85% do universo de empresas chinesas de capital aberto com uma capitalização total de mais de USD$2,7 trilhões. O setor de maior peso é o de Consumo Discricionário representando mais de 30% do índice, seguido de Serviços de Telecomunicações com peso de cerca de 20% do índice. Em seguida, vem os setores financeiro e de saúde. As 3 empresas com maior participação no índice são: (i) o Alibaba Group, (ii) a Tencent Holdings e (iii) a Meituan Diaping.

-------------------------------------------------------------------------------------------------------------

3 Curtidas

Começando a analise deste novo ETF
No mês de janeiro este etf valorizou 14,27%, contra 4,7% do ivvb11 e 5,10% do dólar, então acho que vale a pena começar a ficar de olho neste ativo. É sempre bom lembrar que operando este etf estaremos sujeitos também a variação do dólar.
Vou fazer uma analise prematura deste ETF. Digo prematura, pois uso dois conceitos para selecionar ativos para estudo o: o primeiro é o tempo de existência, e aqui no gráfico diário temos apenas 24 candles, então não se encaixa neste requisito, o segundo é numero de negócios, porque quando o ativo tem poucos negócios a analise fica bastante prejudicada, e neste caso estamos tendo mais de 2.000 negócios por dia, então atende bem este requisito.
Mesmo sem ter dados suficientes vou arriscar uma primeira analise.
O primeiro passo é traçar uma projeção de fibo, utilizando a ferramenta de retração e depois marcar cada 50% entre as linhas. É uma marcação bem primaria e a medida que formos tendo mais candles, especialmente no semanal podemos ir fazendo os ajustes. Mas por hora, funciona bem, pelo menos para evitar comprar em um ponto muito alto. O que resulta na figura abaixo.


Estou demonstrando no gráfico de 60’, e dá para ver que embora seja uma ferramenta bastante simples, existem muitas “coincidências” entre as linhas traçadas de forma aleatória e a movimentação dos preços, pois após a marcação inicial, os preços em diversas oportunidades respeitaram os suportes e resistências traçados. Também podemos observar na figura o comportamento dos preços com relação a mme9 (linha em azul). Por esta marcação temos o próximo alvo caso o ativo venha a subir em 13,27.
Todo o principio da minha analise é baseado nas Ondas de Elliott, e apesar do numero muito pequeno de candles, já é possível traçar uma primeira possibilidade de movimentação.
Não foi um traçado aleatório, pois avaliei cada deslocamento seguindo os padrões das ondas para poder garantir que as primeiras marcações estejam dentro de um contexto compatível com a metodologia.
image
Como podemos ver estamos em uma onda 3 que esta se estendendo, então estamos podendo ver sua formação. O objetivo desta onda esta em 14,02 e o objetivo deste impulso em 16,12.
Claro que neste momento é só uma marcação inicial e ela deverá ir sendo corrigida, a medida em que novos candles forem se formando. Mais um indicativo de que este pode ser o comportamento do ativo é que se a posição da onda 3.4 se confirmar, a projeção da onda 3.5 que completa a onda 3 esta em 14,12, ou seja praticamente no alvo incialmente traçado para esta onda. Mesmo que a 3.4 não tenha encerrado porque no 60’ parece que estamos tendo a formação de um triangulo na 3.4.c, este estudo não fica inviabilizado.

5 Curtidas

Historicamente China tem crescido mais que o restante do mundo nas últimas décadas, por consequência não seria ruim ter ativos chineses em carteira. Pensando em aportar em breve.

1 Curtida

minha xenofobia nao permite investir na china

Já dizia o imperador Vespasiano, “Pecunia non olet”. Investir usando de valores morais ou éticos, pra min, é besteira o importante é sair no lucro.

3 Curtidas

Uma visão sobre os riscos de se investir na China…

Abri uma posição nesse ETF mas muito pequena, é inegável que a China, mesmo com todos os problemas e riscos, tem uma avenida para se consolidar como a maior economia do mundo. Tem que ter uma exposição a ela, por menor que seja. O problema desse ETF é que as duas maiores posições ocupam 30% (15% cada), Alibaba e Tencent.

3 Curtidas

Rompeu o topo. Tenho me posicionado.

19/02/2021

Não tenho objetivo de indicar este ETF como investimento, mas tenho na minha carteira de proteção. Também não faço operações com ele, compro e vendo apenas para garantir o balanceamento da minha carteira de operações.

Em teoria deveríamos estar bem próximos de uma correção, abrindo novas possibilidades de compra, afinal com 23,11% de valorização em reais no ano, e 18,64% em dólares no mesmo período fica muito difícil encontrar um ponto de entrada. Ainda mais que pelo menos no gráfico diário ainda estamos muito longe de atingirmos um patamar de sobrecompra. Mas se levarmos em considerando os principais indicadores tais como o OBV, os preços estão muito esticados, e a divergência com relação a este indicador esta bastante acentuada. O IF14 também apresenta um divergência, mas bem menor que o OBV. O Macd segue a mesma linha do OBV e apresenta neste momento uma divergência bem grande.

As divergências são alertas, especialmente as de OBV, e embora muitas vezes elas falhem, é sempre importante observa-las.

Embora ainda nem tenhamos chegado ao meio do mês de fevereiro o que torna o número ainda bem provisório, o ativo já apresenta uma alta de 7,73% neste mês e não foi nem um pouco ajudado pelo dólar que apresenta uma queda de 1,49% no mesmo período. O que resulta em uma alta em torno de 9,00% do Etf em dólares, enquanto o ibov se valorizou em 4,52% também considerando a moeda americana.

Devido ao pouco tempo de existência deste ETF, tenho utilizado duas medias de controle para fazer o acompanhamento: a mme4 e a mme9. A mme9, é uma media operacional, ou seja, eu utilizo como indicação de compra e venda, mas neste momento ela esta servindo também como um controle da força de movimentação do ativo.

O ativo vem se comportando dentro do esperado com o alvo ainda apontando para 14,12, nos últimos dias chegou a operar 4 dias afastado da mme4, e acabou corrigindo levemente ficando em cima desta media. A correção terminou exatamente no momento em que testamos a mme9, que mais uma vez se mostrou como o principal suporte do ativo.

Como eu falei no post anterior, traçar as ondas para um ativo com tão pouco tempo de existência, não faz muito sentido, as chances de erro são muito grandes. Olhando o gráfico semanal, até poderíamos fazer um traçado um pouco diferente, mas por hora, vou continuar com o traçado no diário.

Dando continuidade a ultima postagem, temos o gráfico do ativo se comportando da forma esperada. Podemos ver neste momento, que a nossa possível onda 3, vem se estendo demonstrando toda a sua formação, o que indica que agora o nosso próximo alvo esta em 13,48, onde teremos o encerramento da onda 3.5.5 , e consequentemente o termino da onda 3. Este número é baseado apenas nos números padrões que esperamos encontrar nas ondas, então nada garante que vamos chegar lá e nem mesmo que chegando podemos parar, afinal, trata-se de uma onda5 e ela ainda pode se expandir muito mais.

Por outro lado, se observamos no gráfico temos uma resistência em 13,27. Esta resistência foi traçada usando uma “projeção” dos preços baseadas na retração de fibo e ela tem uma chance muito boa de funcionar. O que mudaria em termos gráficos é que a onda 3.5.5 terá tido o mesmo tamanho da onda 3.5.1, o que é bastante valido, e teríamos então um movimento “truncado” que na Analise Técnica é chamado de topo duplo, o que daria inicio a onda 4 deste movimento de forma precoce, podendo levar o ativo de volta aos 11,98 que hoje é a linha de suporte mais importante que temos.

Se não tivermos a onda 3.5.5 truncada e ela de fato atingir o objetivo em 13,48, daremos inicio a correção da onda 4, que tem como objetivo os 12,23.

Por hora são apenas suposições geradas por um conjunto de “guias” das Ondas de Elliott, e cada uma delas precisa ser confirmada, o que pretendo fazer a cada vez que o ativo fizer uma movimentação mais significativa.

Observação:

Caso as divergências (obv,ifr14 e macd) se confirmem, elas podem fazer com que a onda 3.5.4, continue se aprofundando. Neste caso ela poderia vir no máximo a corrigir até 12,03, sem que tenhamos que modificar o traçado atual.

Boa semana a todos

3 Curtidas

Tenho considerado esse ETF para proteção pro ano que vem. Vou tentar acompanhar o tópico.

1 Curtida

Se voce tem interesse no ativo para proteção em moeda estrangeira, cuidado que ela nao vem replicando em nada o que acontece lá fora. Dê uma olhada no historico.

2 Curtidas

O XINA11 faz exatamente o que propõe, o pessoal que não pode comprar sem saber como funciona exposição cambial

5 Curtidas

Ele replica o MSCI China.

O grande problema aí é: CHINA.

China é complicadíssimo pra se investir, inclusive via ETF. E esse MSCI China não é cuidadoso na seleção da empresas. O risco China aí é muito alto. Até por isso eu nunca entrei. Eu nem encaro esse ETF como investimento, apenas como seguro/ descorrelação. É até mais provável que eu não entre.