CAFI - Carteira de Análise Fundamentalista de Investimentos


#774

Eu faço isso também, não replico exatamente toda a carteira, além de que insiro uns FIIs. Mas venho fazendo isso pra ganhar experiência


#775

Obrigado, Cadu!

Sua ajuda facilita muito nosso caminho!

Valeu mesmo.


#776

Alguem saberia me dizer se a plataforma esta atualizada quanto aos bancos? Por exemplo BB, Itau e Bradesco, olho os indicadores no site como Dividendo por ação e comparo com outro site (fundamentus) e os valores estão diferentes:

Itub3 - lucro por ação = 3,67 na plataforma, já no fundamentus esta 2,24, não estou a criticar, mas gostaria apenas de entender para poder analisar e optar por 1 dos 3 bancos de primeira linha com foco no longo prazo, na visão de você Cadu, qual o banco que esta mais barato dos tres e tem melhores perspectivas de valorização / crescimento nos lucros?

Obrigado pela ajuda e desculpe qualquer coisa

Abraço


#777

Valeu pelo toque.
Vou checar e dou um retorno na sequência.


#778

O número de ações tinha dado um erro e estava desatualizado, já foi ajustado agora.

Minha preferência dentre as grandes do setor seria Itau, em especial Itsa que tem um desconto superior. Vejo Itaú com uma melhor qualidade na carteira de crédito e maior potencial de valor. Talvez em crescimento Bbas com este novo governo pode estar ligeiramente mais atrativa que as demais, porém no conjunto da obra iria de Itau.


#779

Cadu… Bom dia… se não for pedir demais …acho que da Grendene ta assim tbm… ou vou por causa do aumento de ações.


#780

Chequei agora, os dados da plataforma estão corretos sim.


#781

Perdão cadu… me refiro ao valor patrimonial rs…esqueci de falar qual item


#782

Está correto sim.


#783

Ja começar a pensar onde aportar o div de itausa


#784

Cadu, qual seria a sua principal dica para quem está em fase de acumulação de capital na carteira? Focar mais nos aportes, investir mais em crescimento, esquecer dividendeiras nesse começo,etcc…?

Valeu aí


#785

Como conselho básico, diria para focar em AF com objetivos de longo prazo. Uma carteira balanceada, com ações de setores diferentes, com focos diferentes (valor, crescimento e dividendos). Fique longe de ativos com alto risco (como micos). E tente poupar 10% do seu salario para investir.

E uma dica boa que aprendi com o Buffett: as duas principais regras para ter sucesso como investidor, a primeira é não perder dinheiro, e a segunda é nunca esquecer a primeira.


#786

Valeu Cadu, irei seguir a risca.


#787

Estou neste processo há uns bons 10 anos já, comigo funciona bem quando ponho tudo no papel, tenho uma meta, defino os meios, e sigo a risca. Uma dica que eu daria é: seja conservador nos aportes para não errar a mão e ter que fazer o caminho de volta.


#788

Eu nao sei o q voce pensa sobre isso @cadu, mas particularmente eu diferencio micos de small caps. Apesar de small caps serem de alto risco.
Falo isso porque acho importante ter um pouco de small caps ou mesmo SMALL11 durante um bull market como estamos agora (claro que posicoes pequenas em ralacao ao total do portifolio).


#789

Sim, são duas coisas distintas.

Small caps se referem ao universo de pequenas empresas, onde dentro deste tem empresas atrativas, como Fesa, e empresas não tão atrativas assim (pelo menos do pto de vista da AF), como Tkno.

Micos se referem a empresas com alto risco de insolvencia, que se encontram em uma situação dificil financeiramente.


#790

Essas distinções que foram criadas de blue chips, mid caps, small caps, para mim não se aplicam ao Brasil. Primeiro que capital aberto é uma raridade aqui, então uma empresa pode ter uma posição de liderança, ser considerada grande no mundo real, e ser tida como small cap por investidores. Enquanto as blue chips, fogem bastante do conceito que se daria lá fora, você pega uma PETR, por exemplo. Eu nunca faria uma distinção na minha carteira neste sentido.


#791

E a maioria do que a gente considera small caps sao na verdade mid :slight_smile:
Mas o ponto inicial era a importancia de ter algumas empresas dessas que normalmente carregam um pouco mais de risco.


#792

Eu não classifico as small caps de forma geral como alto risco. Ao meu ver o tamanho de uma empresa não determina isso, mas sim os seus números ou o cenário. Por exemplo, Elet é uma empresa de grande porte, mas no governo do PT eu considerava ela de altíssimo risco.

Além disso cabe ressaltar que quem usa AF acaba naturalmente tendo uma boa parcela da carteira em empresas de medio para pequeno porte. Pois são empresas com menor liquidez, e que tendem a apresentar um maior desconto pelo mercado frente as grandes empresas.

Aqui cabe uma observação. Em alguns casos eu uso a classificação de tamanho, mas para fins de diversificação. Por exemplo, se eu quero focar no setor bancário, eu posso montar uma carteira com três ações do mesmo setor, mas de tamanhos diferentes, como Itub, Abcb e Bgip.


#793

Eu penso que esse conceito de risco pode ser questionado, citaria um exemplo prático, que não é o melhor mas deve servir. BRFS e BAUH. A primeira talvez seja uma das maiores exportadoras de frango do mundo, faturamento nas dezenas de bilhões, monopólio do sistema integrado etc, mas seja por gestão, seja pelo milho, por um complô mundial, enfim, está afundada em dívidas e com chances de encolher muito e, mais difícil mas possível, até quebrar. A segunda é um caso obscuro, uma controlada da JBS, uma empresa antiga e tradicional do Sul, tem zero de dívidas, apenas processa alimentos e vende no mercado interno, não vai sofrer com as restrições a exportaçóes, é lucrativa, paga dividendos. A meu ver você mitigaria o risco investindo na small e aumentaria investindo na blue.