Analise Fundamentalista


#99

Uma coisa que vejo, até certo ponto intrigante. O P/L do ITUB , por volta de 15, enquanto temos outras tantas empresas bem acima disso, empresas muito boas, e até muito ruins.

Intrigante realmente, pois ITUB para mim é a melhor empresa da bolsa, bem como a mais segura.

Se pensarmos bem, ao P/L de 15 o papel ainda está barato, problema é que o P/L histórico creio que seja por volta disso, o que não deixa de ser mais intrigante ainda.

Esse papel era para ter um P/L de 25/30, na boa.

ITSA então está mais barato ainda…

Coisas da nossa Bolsa…


#100

E olhando o histórico dos ultimos 7 anos, o P/L hj de Itub esta na média histórica.

itub


#101

Exato…o melhor papel da nossa bolsa tem um pl historico muito barato


#102

Pra carteira Lp qual é melhor itub3ou 4?
Uma boa noite!


#103

ITUB3 está mais barato.
Porém mais barato ainda é ITSA4 ou ITSA3, ambas praticamente com o mesmo P/L e DY entre si, mas inferiores a ITUB3.


#104

http://www.itausa.com.br/pt/itausa-no-mercado-de-acoes/desconto-itausa
Tem q considerar o desconto pra saber qual está mais barata.


#105

Cadu, SSBR3 coloca em seus lucros a valorização dos imóveis? Se sim, saberia me dizer em que trimestre faz isso? Não é uma coisa boa esse tipo de coisa, atrapalha bastante a mensuração dos números da empresa.


#106

Usa sim, ela ajusta o valor das propriedades semestralmente, no 2T e no 4T. É um ajuste que não tem nenhum efeito no caixa, e só serve p/ distorcer os números quando temos uma variação grande no mercado. Mas no 2T a empresa reportou uma queda no valor, o que condiz com a realidade do mercado.

ssbr

O que realmente interessa na empresa é o FFO, que tem apresentado uma boa evolução.


#107

Valeu!!! Ta bem legal essa empresa x esse papel


#108

Cadu, BRSR tirando o evento estraordinário que lhe rendeu 141M no ano, o lucro mesmo assim ficou na base de 50% maior do que 2016, confere?

Devo estar vendo algo errado aqui.

De todo modo, P/L bem legal, acho um banco bom, ainda mais por conta de ter a grande parte de seu crédito para funcionarios publicos. Claro que ser um banco estatal também tem seu lado ruim(vide BB), mas acho bastante interessante, porém, papel muito esticado.


#109

Foi isso mesmo. Olhando por alto a empresa teve um crescimento da carteira de credito, e ao mesmo tempo uma queda na provisão de devedores. O melhor dos mundos. Foi um ótimo resultado.
Mas se tratando de estatal, tem de analisar melhor depois p/ ver se não tem nenhuma pegadinha contábil que armaram.


#110

Tem de ter uma pegadona…não é possível…rsrsrsrsr


#111

Pessoal, dando uma estudada aqui na CGRA, o lucro líquido ficou 3M do lucro de 2016, porém, a receita líquida foi 10% maior, EBIT maior.

Pelo que vi, essa “baixa” lucratividade se deu por conta do resultado financeiro que foi 10M a menos do que 2016. Isso seria por conta da SELIC menor? ou tem outra coisa?

Penso que essa lucratividade menor não deva ser “levada em conta” , por essa questão financeira, especialmente se foi por conta da baixa da selic, visto que a empresa não tem dívida.

Assim sendo, essa queda no preço do papel, penso que abre uma boa entrada para quem está de fora e mesmo para aqueles que querem fazer novos aportes.


#112

Foi isso mesmo, ela tem tb um grande caixa aplicado, e como não possui dívidas, a queda da selic gera este resultado financeiro menor.

Eu ainda acho o preço dela esticado. Isso fica evidente olhando o ranking da plataforma, onde ela está com 61%, fora do top 50.

E tb não vejo muito potencial de crescimento no nicho que ela atua p/ os próximos anos.


Avisos de Compra e Venda & Debate Sobre Carteiras
#113

Cadu, a AMAR3 é uma das poucas do setor varejista que não está se recuperando…estranho.

Nesse último ano, “forçando a barra” vc consegue ver algum avanço? O EBTIDA ou nem isso?


#114

Até agora não deu nenhum sinal consistente. Embora em 2017 o resultado no que tange EBIT foi superior a 2016, a empresa ainda está reportando prejuízos, longe de mostrar uma franca recuperação.

amar


#115

Cadu, pode falar algo da PRIO3…em números fundamentalistas é fantástica…

Mas qual é a da empresa…é um tipo OGX? rrsrsrsrs


#116

rs por aí. Provavelmente após o resultado do 4T 17 ela vai sair do topo do ranking, veja aqui:


#117

Esse tipo de Case é complicado demais.


#118

Cadu, por favor, fale um pouco sobre estratégia para a hora da venda do ativo comprado. Todos nós falamos bastante da compra, temos nossas estratégias, algumas ou muitas delas parecidas. Mas e a hora da venda? Para mim, essa hora é mais difícil do que a compra, pois para a compra me parece mais fácil e simples termos os nossos “starts”.

Quais estratégias vc tem? Fundamentalista? Tecnica? União das Duas? PSBe? Fluxo de Caixa Descontado? Média Móvel? etc…

Exemplo, hoje comprei HGTX a 23,20…minha ideia é ficar com ela, a compra foi estritamente fundamentalista, apostando numa melhora da empresa, após um “bom” ano de 2017. Apostando que 2018 vai ser melhor no geral, sobretudo para a própria empresa. Claro que usei tambem um certo ponto estratégico de AT para entrar…mas a compra é totalmente fundamentalista.

Assim sendo, fora o que vc puder esplanar das suas estratégias de saídas, o que poderia me falar sobre umas opçoes de estratégias para saída da HGTX.

Abraço.