Carteira de Ações Longo Prazo

@tfreitas88 Parabéns pelo foco e pelos resultados.

Já fiz as contas e, mantido todo o resto constante, em cinco ou seis anos você vai receber por mês o correspondente ao seu aporte mensal.

6 curtidas

Parabéns @tfreitas88,
No começo é tudo muito devagar, mas depois que pega embalo não para mais.
O nome do jogo é persistência.

4 curtidas

Valeu, parceiro. Também curto muito esse tipo de relato, ajuda demais mesmo.
Vamo que vamo, rumo à IF.

1 curtida

Valeu, João.

Seria sensacional, dobraria meu aporte sem tirar dinheiro do bolso. Essa é a maravilha dos juros compostos.

Valeu, corvo.

Espero realmente não parar mais, que não venha nenhuma tentação do tipo vender a carteira pra comprar um carro, casa ou terreno :sweat_smile:.

3 curtidas

Relatório de investimentos 1º semestre de 2023

Tivemos um bom 1º semestre com retorno consolidado de 17,67% em Reais.
Na carteira Brasil tivemos um retorno de 25,22%, com destaque positivo para TRIS3 com 72,32% e destaque negativo foi para AGRO3 com -17,84%.
Na carteira Exterior tivemos um retorno de 3,46%, com destaque positivo para IVV com 8,06%. E destaque negativo para PFE com -7,94%.
Exceto o mês de Junho de 2023, todos os demais mês superamos o IBOV. E superamos o CDI nos mês de Janeiro, Abril, Maio e Junho.

Tivemos dois mês negativos Fevereiro e Março com retornos respectivos de -2,4% e -0,42%.
Em termos reais nossa carteira fechou em 13,47%. Brasil com 20,30% e Exterior com 0,60%.
Em dólares nossa carteira rendeu 25,14%. Carteira Brasil 33,10% e Carteira Exterior 10,22%.
Nosso Yield Cost ficou em 4,17%. Os proventos representaram 23% dos aportes neste semestre. Crescimento do patrimônio foi de 30,20% no ano.
image
image
image

11 curtidas

Parabéns! Continue assim que você vai chegar longe. Bolsa é maratona.

3 curtidas

Parabéns pelos resultados!

Gostei do gráfico relacionando proventos com os aportes, inclusive acabei de criar um similar. :handshake:

2 curtidas

Dá uma visão boa da proporção entre aportes do meu salário e o que vem dos dividendos e JPC.

3 curtidas

1S23.

Renda passiva continua crescendo em um ritmo interessante, quero chegar na média mensal de R$ 2,9k até dezembro. Cada barra do gráfico é a media mensal dos últimos 12 meses.

Crescimento da renda passiva foi de 35,12% com relação ao mesmo período do ano passado.

Agora a renda com os investimentos por ano:

Carteira pulverizada com 39 ativos, mas 6 representam ~50%.

Percentual do patrimônio investido, caiu em junho e vai cair mais um pouco em julho, acabei de dar entrada no meu primeiro ap, se fosse a vista representaria cerca de 34% do patrimônio, preferi pagar 20% de entrada e financiar o restante, aproveitando o ciclo que se inicia de queda de juros. Talvez quite quando estivermos próximo das mínimas da Selic, daqui a uns dois anos, ou refinanciarei com uma CET mais atrativa e vá amortizando com FGTS, analisarei com mais detalhes no momento oportuno:

Crescimento patrimonial de cerca de 6x de 2018 para cá, numa taxa mensal histórica de ~2,6% ao mês.

Veículo / Patrimônio Líquido, estou em fase para trocar de veiculo (última troca foi em janeiro de 2019), pretendo não ultrapassar os 10%:

Histórico de poupança:

Cenário base para deixar de trabalhar pelo dinheiro é de cerca de 7,5 anos, aos meus 40.

Para outras informações:

29 curtidas

Parabéns pelo relato
Muito massa os graficos
Sucesso na sua jornada

2 curtidas

Parabéns!!

Você tem o valor da rentabilidade acumulada desde o início ( em ações )? Para poder comparar com o IBOV do mesmo período.

1 curtida

Que coisa mais linda esse gráfico de evolução da Renda Passiva :clap:

Parabéns, na torcida para que consiga atingir seu objetivo antes do prazo estipulado.

1 curtida

Parabéns pelas conquistas. Seus resultados são ótimos.

1 curtida

A renda passiva você considera tudo?
Rendimento de renda fixa e rendimento FGTS?

E parabéns por essas conquistas cada vez maiores

1 curtida

Sim, todo dinheiro que cai na conta, seja de renda fixa ou renda variável.

Não tenho, antes só tratava tudo junto, junto o número que tenho é uma TIR de 11,22% a.a, pegando de 2017 até 2022. Seria equivalente a um IPCA+6%.

Lembrando que tem o FGTS nessa conta, antes a proporção na carteira era muito maior.

Mesmo assim precisaria revisar.

Tenho como levantar esse histórico também pra ações, mas é trabalhoso e pretendo fazer aos poucos.

3 curtidas

Seguem valuations de empresa da minha carteira:

TICKER VALUATION
ABCB4 22,95
AGRO3 37,40
AMBP3 74,38
BBAS3 72,46
BBSE3 36,83
CAMB3 21,00
CGRA4 67,00
CSAN3 24,00
GOAU3 29,32
KLBN4 8,30
MDNE3 20,66
NEOE3 29,00
RANI3 15,50
SHUL4 9,90
SIMH3 23,00
TRIS3 8,46
TRPL4 31,12
TUPY3 37,00
9 curtidas

Mais um mês, mais um passo para viver de renda passiva.

+R$ 113,09 na média mensal (12M) de renda passiva.

A Prio (PRIO3) segue brilhando na carteira.

Com a entrada do apartamento + taxas a proporção de renda variávle chegou aos 76,74%, maior patarmar até então. E o indicador Passivos/Ativos deu um grande salto:

+6,05% de crescimento no patrimonio liquido, superando a meta que tinha para este ano.

Para outras informaçoes:

21 curtidas

“Bolsa” em queda por 13 pregões consecutivos, por outro lado, esse mês de Agosto foi meu recorde de dividendos até então.

Aporto atualmente R$ 600 reais por mês, então quase igualei meu aporte com os dividendos.

Esse fato só reforça minha tese de investimento que é “esquecer” patrimônio e focar na renda.

23 curtidas