Fundos Imobiliários


#708

O imóvel era antigo, mas bem localizado, e estava locado a um bom preço.
Inicialmente pensei que a empresa tinha exercido a opção de compra que tinha no contrato. Porém…

Agora fiquei com esta dúvida, pelo visto foi uma negociação de compra mesmo, fora da janela. Ou o admin do fundo têm alguma outra oportunidade de compra muito boa na manga, ou pode ter sido alguma pressão da locatária mesmo p/ sair.

Temos de aguardar as explicações do fundo.


#709

Existia janelas para rescindir o contrato?

Pensei que não houvesse está possibilidade, inclusive perguntei ao RI e me responderam

“os contratos atípicos do GGRC11 estão dentro deste escopo , ocorrendo uma renuncia antecipada o inquilino deverá pagar o restante do aluguel até o final do prazo de contrato.”

Aí fica minha dúvida, se teriam que pagar mais de R$50 milhões em aluguéis até 2027, e se o imóvel foi avaliado recentemente em R$62 milhões, porque vender por R$54 milhões?

E se o contrato só abria a porta para que o inquilino exercesse o direito no mês 37, aí deixa mais difícil ainda de entender.


#710

sobre o reincidir não sei dizer, foi apenas uma possibilidade, o que me lembro claramente são as janelas que pode-se comprar o imovel, a primeira seria no mês 37 que se daria la para 2020 … enfim, ta meio “nebuloso”


#711

Essa planilha “Guia de FIIs” é atualizada automaticamente?

Essa performance em 3 meses e em 12 meses já é descontando o que foi distribuído não é?

Muito legal, obrigado por compartilhar.


#712

Olhando aqui o relatório do FII oujp11, pelo gráfico, da a impressão que nos últimos 12 meses, o fundo teve em desempenho muito superior à 0,13% que é o que tem na planilha.

Esses 0,13% seria só a variação da cotação, sem levar em consideração do DY?


#713

Pessoal o que vocês acharam do UBSR11 que vai emitir uma nova oferta?


#714

Bom dia pessoal, tudo bem ? Preciso aumentar a participação de escritorios na minha carteira. Ja conto com esses FLMA11, BBVJ11 e BRCR11. Existe uma oportunidade pontual em algum desses “hoje” ou melhor inserir outro fii com essa característica?
Obrigado


#715

Pensaria em FFCI11 e HGRE11


#716

porque o FFCI11 Cadu? olhei o guia aqui de fii e ele está lá embaixo. não está descontado e tem yield “baixo”


#717

Tem um risco baixo, bons imóveis, e ainda está com um dinheiro em caixa para novas aquisições.


#718

Li que com a expectativa de alta da Selic as cotas desvalorizariam, então teria que sopesar isso com bons dividendos no momento. Isso procede?


#719

De forma geral, sim. Mas não vejo perspectivas de aumento da taxa selic no médio prazo.


#720

Pessoal, como funciona uma nova emissão de cotas de um FII. No caso, se tratando de FII GGRC11.
https://fnet.bmfbovespa.com.br/fnet/publico/exibirDocumento?id=34581

Nesse edital consta que as novas cotas serão disponibilizadas primeiro para cotistas. Hoje possuo cotas desse FII. O que ocorre com o valor das cotas de GGRC11 com a emissão dessas novas cotas?

E as cotas que possuo hoje podem ser convertidas em novas cotas quando ocorrer essa nova emissão?


#721

Uma nova emissão funciona assim:
Vamos supor que vc tenha 100 ações de ggrc11.
Neste caso, vc ganharia a opção de subscrever 57 novas ações ao preço de 116. E o fundo usará este capital levantado para fazer novas aquisições de imóveis.


#722

Olá @cadu, já existe prazo para realizar subscrição?


#723

Ainda não. Primeiro tem de ser aprovado na assembleia dia 03/12.


#724

Aproveitando, tens alguma expectativa para o anúncio hj da renda do MFII ou está igual eu, 120% no escuro?


#725

Não tenho ideia. A Cvm com sua forma equivocada de atuação quis melhorar a transparência do fundo, e no fim das contas só deixou a coisa mais volatil ainda.

Podemos ter de tudo, desde zero rendimento até uma alta distribuição.


#726

Então, ao subscrever essas 57 ações, passarei a ter ações de GGRC11 e de GGRC12 (não sei se segue a sequência).

Como ficam os rendimentos, nesse caso?


#727

Isso, ficam iguais. Depois de algum tempo as cotas de GGRC12 são convertidas na 11.