LCAM3 - Locamerica


#1

Acompanho de longe, acabou se sair o balanço do 3T 16. É uma empresa que sofre demais em tempos de crise, mas tende a se beneficiar muito nos tempos de bonança da economia.

Lucro líquido atinge R$8,0 milhões no 3T16, crescimento de 84,0% na comparação com o 3T15. Nos 9M16 o crescimento do lucro líquido foi de 30,2% e atingiu R$21,1 milhões.

Belo Horizonte, 26 de Outubro de 2016 - A Companhia de Locação das Américas (Locamerica) (BM&FBOVESPA: LCAM3) divulga os resultados do 3T16.

Destaques:

Receita líquida de locação atingiu R$ 102,0 milhões, crescimento de 5,1% frente ao 3T15. Nos 9M16 o crescimento acumulado foi de 4,4%.

Receita de Seminovos cresceu 22,5% na comparação com o 3T15. Ainda mais importante, o lucro bruto do segmento foi de R$ 7,7 milhões, representando uma margem bruta de 7,7%, novo recorde para a Companhia. No encerramento de Setembro/16 os carros em desmobilização representavam apenas 5,9% da frota total, menor patamar da história da Companhia.

No trimestre o EBIT atingiu R$ 38,5 milhões, crescimento anual de 21,1%. A margem EBIT apresentou significativa expansão de 5,0 p.p. e encerrou o trimestre em 37,7%.

A evolução dos resultados operacionais e a geração de caixa fruto de uma melhor gestão do capital de giro resultou numa redução de R$ 69,2 milhões na dívida líquida. Ao fim do 3T16 a dívida líquida era de R$ 624,5 milhões, uma redução de -10,0% frente os R$ 693,7 milhões apurados no 3T15.

No trimestre a Companhia concluiu a sua 11ª Emissão de Debênture, com a captação de R$ 190 milhões. Ao fim de Setembro/16 as disponibilidades da Locamerica somavam R$ 230,0 milhões e eram superiores a todos os vencimentos de dívida até o final de 2017.


#2

Localiza compra Hertz no Brasil e faz acordo para usar marca
Geraldo Samor

A Localiza acaba de comprar as operações da Hertz no Brasil por R$337 milhões em dinheiro, e celebrou um acordo pelo qual passará a usar a marca americana no Brasil nos próximos 20 anos, renováveis por mais 20.

A transação não envolve a troca de participação societária.

“Já estávamos conversando com a Hertz sobre isso desde 2014,” o CEO da Localiza, Eugenio Mattar, disse ao Brazil Journal. "Depois eles trocaram o CEO e nós tivemos que parar o processo, mas depois voltamos a conversar. Como essa é uma aliança de longo prazo, foi tudo muito conversado entre as partes, para verificarmos o comprometimento.”

Este é o primeiro movimento estratégico da Localiza em muitos anos, e vem num momento em que seus dois concorrentes tentam ir para a Bolsa.

A Movida acaba de anunciar planos para um IPO, e a Unidas, que vendeu parte de seu capital para a americana Enterprise, tem os mesmos planos. Até agora, no entanto, ambas empresas tem mostrado um retorno sobre o capital investido abaixo de seu custo de dívida. No ano passado, a Localiza estudou a compra da Unidas, mas não houve acordo.

A Hertz tem 9.200 carros no Brasil (3.700 no negócio de gestão de frotas e 5.500 carros de aluguel), além de uma rede de 42 agências próprias. (A Avis, outra americana, é menor que a Hertz).

A Localiza tem 120.000 carros e 494 agências no Brasil (333 são lojas próprias).

O acordo de ‘co-branding’ inclui a utilização da marca combinada ‘Localiza Hertz’ no Brasil e a utilização, pela Hertz, da marca ‘Localiza’ nos principais aeroportos dos Estados Unidos e Europa, considerados destinos de entrada de clientes brasileiros. Um outro acordo — o ‘referral agreement’ — estabelece as regras de intercâmbio de reservas entre a Localiza e a Hertz.

A transação, que está sujeita à aprovação do CADE, também inclui o intercâmbio de novas tecnologias, know-how e executivos entre as duas companhias.

Segundo Mattar, as duas empresas ainda vão conversar sobre estender o acordo para a América do Sul.

A Localiza vai se reunir com investidores amanhã em São Paulo para explicar a operação.


PS: Enquanto Brasília chafurda, o setor privado gera valor.


#3

#4

#5

http://braziljournal.com/resultado-da-localiza-nao-existe-crise-quando-existe-execucao


#6

#7

#8

Olha os proventos…


#9

#10

1T 18 - LCAM3
Esta é uma empresa que o mercado precifica um forte crescimento no seu preço, e ela vem entregando. Porém ao meu ver apesar de ser uma excelente empresa, continua cara.


#11

Caiu forte hoje. q sera?